SETEMBRO 21 | CASA DAS ARTES

INFIDELIDADE

Retomamos a nossa programação regular na Casa das Artes com o tema da infidelidade. 7 filmes que se debruçam sobre a temática da traição e da complexidade das relações amorosas.

Abrimos o mês, na quinta-feira dia 9, com a adaptação de Wim Wenders do clássico de  Nathaniel Hawthorne , A Letra Escarlate que conta a história de uma mulher que depois de ser descoberto o seu adulterio é marginalizada pela comunidade e forçada a usar a letra “A” na sua roupa. De seguida exibiremos Vidas duplas de Olivier Assayas, uma comédia conjugal com reflexões sobre a modernização das tecnologias e as crises de meia-idade.

Na semana seguinte recebemos o mais recente filme do italiano Daniele Luchetti, sobre o impacto da traição e do fim do amor no seio de uma família. Laços de Família é exibido no dia 16 de setembro.

No dia 18, exibimos o filme de Philipe Garrel O Sal das Lágrimas. No seu já clássico preto e branco, Garrel traz-nos como sempre um reflexão sobre as relações e o espirito humano.

Na quinta-feira, 23, um clássico de Max Ophuls, Madame de.. onde a venda de uns brincos desencadeiam uma corrente de acontecimentos com consequências graves para todos.

No sábado 25, a comédia da francesa Caroline Vignal, O meu burro, o meu amante e eu é exibida onde conta a história de uma professora que tem como amante o pai casado de um dos seus alunos.

A fechar o mês, a obra-prima de Wong Kar Wai, In the mood for love, um melodrama de época que marcou um ponto de viragem na carreira do realizador.

Não percam este regresso, há muito para ver!

Quinta-feira, 9 de setembro | 21h30

A LETRA ESCARLATE

DER SCHARLACHROTE BUCHSTABE

Wim Wenders

ALEMANHA /ESPANHA | 1973 | FIC | 90’ | M/12


Adaptação do romance homónimo de Nathaniel Hawthorne, A Letra Escarlate conta a história de uma mulher que, por ser adúltera, é marginalizada pela comunidade puritana em que vive (Salem, no século XVIII) e forçada a usar a letra “A” nos vestidos. O seu marido, julgado desaparecido, regressa com outra identidade para descobrir quem fora o amante dela.

Sábado, 11 de setembro | 18h

VIDAS DUPLAS

DOUBLES VIES

Olivier Assayas

FRANÇA | 2018 | FIC | 108’ | M/12


Alain, um editor parisiense, procura adaptar-se ao novo mundo, cada vez mais dominado pela tecnologia. O mesmo acontece com todos à sua volta, a começar pela sua mulher Selena, actriz numa popular série que não lhe traz realização pessoal, e por Léonard, o amigo escritor sem sucesso, subitamente forçado a comentar cada vez menos os seus novos romances e mais as guerras no Twitter, que parecem persegui-lo onde quer que vá.

Quinta-feira, 16 de setembro | 21h30

LAÇOS DE FAMILIA

LACCI

Daniele Luchetti

ITÁLIA/FRANÇA | 2020 | FIC | 100′ | M/12

Nápoles, início dos anos 80. Aldo e Vanda vão separar-se, depois de ele revelar que está a ter um caso. Os dois filhos são apanhados no turbilhão de ressentimento. Mas os laços que unem as pessoas são inevitáveis, mesmo sem amor. Agora, 30 anos depois, Aldo e Vanda continuam casados.

Sábado, 18 de setembro | 18h

O SAL DAS LÁGRIMAS

LE SEL DES LARMES

Philippe Garrel

FRANÇA/SUÍÇA| 2020 | FIC | 101’ | M/12


As primeiras conquistas de um jovem e a paixão que tem pelo pai. Esta é a história de um jovem da província, Luc, que vai a Paris para se candidatar à Escola Boulle. Na rua, encontra Djemila, com quem vive uma aventura.De regresso a casa do pai, reencontra uma ex-namorada, Geneviève, enquanto Djemila alimenta a esperança de o rever. Quando recebe a notícia da entrada na Escola Boulle, vai para Paris e abandona a namorada que está grávida…

quinta-feira, 23 de setembro | 21h30

MADAME DE… 

Max Ophuls

FRANÇA/ITÁLIA | 1953 | FIC | 105’ | M/12


Na Paris do final do século XIX, Louise, mulher de um general, vende os brincos que o seu marido lhe deu como prenda de casamento: ela precisa de dinheiro para saldar as suas dívidas. O general volta a comprar os brincos em segredo para os dar à sua amante, Lola, quando esta está prestes a ir para Constantinopla, onde um diplomata Italiano, Barão Donati, os compra. De volta a Paris, Donati conhece Louise…e é então que Louise descobre o amor e se torna menos frívola.

Sábado, 25 de setembro | 18h00

O MEU BURRO, O MEU AMANTE E EU

ANTOINETTE DANS LES CÉVENNES

Caroline Vignal

FRANÇA/BELGICA | 2020 | FIC | 97’ | M/12


Antoinette é professora e há alguns meses que espera a chegada do Verão e as prometidas férias com Vladimir, o seu amante e pai de uma das suas alunas. Mas Vladimir adia as férias com Antoinette, porque a mulher organizara, entretanto, com ele e com a filha, o caminho de Stevenson no Parque Nacional de Cévennes (que o autor de ‘A Ilha do Tesouro’ descreve no seu livro ‘Travels with a Donkey in the Cévennes’, que serviu de inspiração à realizadora Caroline Vignal). Antoinette decide fazer o mesmo trajecto, na esperança de se cruzar com eles. Patrick, um burro teimoso, irá acompanhá-la nesta caminhada singular.

Quinta-feira, 30 de setembro | 21h30

IN THE MOOD FOR LOVE- DISPONÍVEL PARA AMAR

FA YEUNG NIN WAH

Wong Kar Wai

HONG KONG, CHINA | 2000 | FIC | 98’ | M/12

Um retrato delicado de uma história de amor pouco convencional. Enquadrado pela sublime paleta de cores e pelos íntimos slow-motions de Wong Kar Wai, o filme viaja através dos olhares enigmáticos de dois indivíduos que, depois de se mudarem para o mesmo prédio com os seus parceiros ausentes, começam a acreditar que os seus respectivos esposos estão a ter um caso. Na sua solidão e aborrecimento, Chow e Su tornam-se mais próximos à medida que fazem as pazes com os seus fracassos românticos. Uma exploração profunda do acaso, do vazio, da solidão, acompanhada pela melancólica banda sonora de Shigeru Umebayashi, Disponível para Amar é o trabalho mais emblemático e impressionante de Wong Kar Wai.

Sala Henrique Alves Costa

bilhete normal: 3,5€ | bilhete estudante / +65 anos: 2,5€ | bilhete sócio CCP: 0,5€

A bilheteira abre meia-hora antes de cada sessão.

Não se fazem reservas. Não há multibanco.

http://www.cineclubedoporto.wordpress.com | http://www.facebook.com/cineclubedoporto