Dezembro ’18 | Casa das Artes

CINEMA NA CASA DAS ARTES

SALA HENRIQUE ALVES COSTA

DEZEMBRO

Deja Vu

É sempre recorrente na comunidade cinéfila a discussão sobre o remake. Um tema maldito onde se censura a falta de originalidade,vinda principalmente de Hollywood, e a tentativa quase sempre falhada de recriar obras consagradas.

Mas há também quem defenda que as histórias que se contam são limitadas e cabe a cada geração reconta-las à sua maneira. 

Para este mês de dezembro, propomos essa discussão. Dois filmes originais e dois remakes. Se com o A STAR IS BORN, a tentativa de reescrever a sua história já vai na 3ª versão e o interesse em mostrar o filme original de 1937 em contraponto com o de 2018 reflecte-se na renovação sempre possível de uma história inserido-a no seu contexto actual (o filme de 37 foca-se muito na grande depressão e na resiliência do povo americano, o de 2018 centra-se mais na relação mais intima entre os protagonistas). Já em SUSPIRIA, agora realizado por Luca Guadagnino, é a primeira tentativa de “reinventar” a obra prima de Dario Argento, com mais uma hora que o original.

Mas nem só de remakes vive o mês de Dezembro na Casa das Artes. Temos 3 sessões especiais, a começar no dia 8 com o LUX FILM DAY, que já vai sendo uma tradição receber aqui na Casa das Artes, onde o Parlamento Europeu propõe o filme THE OTHER SIDE OF EVERYTHING, candidato ao Lux Prize de 2018.  A sessão será de entrada livre antecedida por um Porto de Honra.

No dia 20 temos O DIA MAIS CURTO, uma seleção de obras portuguesas feitas pela Agência da Curta Metragem e que se insere na celebração nacional do DIA MAIS CURTO , uma celebração dedicada à curta-metragem que já vai na sua 6ª edição .

Finalmente no dia 22 temos uma secção especial dedicada ao Natal com a exibição de um filme de série B de 1964 SANTA CLAUS CONQUERS THE MARTIANS.

Não percam Dezembro, há muito para ver!

 

sábado, 1 de dezembro | 18h00

NASCEU UMA ESTRELA

A STAR IS BORN

William A. Wellman

EUA | 1937 | FIC | 111’ | M/12


Esther (Janet Gaynor) é uma jovem sonhadora que chega à Hollywood na década de 30 com o desejo de se tornar numa estrela do cinema. O seu sonho torna-se realidade quando a famosa estrela de cinema Norman Maine (Fredric March) a vê numa festa em que Esther trabalha como empregada. Apaixonado, ele impulsiona a sua carreira e a transforma realmente numa estrela de cinema. Por outro lado, enquanto Esther só aumenta o seu prestígio, ele entra em decadência e vai se afundando cada vez mais na bebida.


Quinta-feira, 6 de dezembro | 21h30

SUSPIRIA

Dario Argento

ITÁLIA | 1977| FIC | 98’ | M/16

A história decorre numa academia de dança na Alemanha, onde chega uma jovem estudante norte-americana. Sucedem-se diversos acontecimentos, numa atmosfera de estranheza e medo. O realizador Dario Argento manipula com mão de mestre os efeitos narrativos e visuais, criando uma atmosfera surreal e de permanente suspense.


Sábado, 8 de dezembro | 18h00

LUX FILM DAY

THE OTHER SIDE OF EVERYTHING

Mila Turajilic

SÉRVIA/FR/QUATAR | 2018 | DOC | 104’

ENTRADA LIVRE

Em The Other Side of Everything, a documentarista Mila Turajlić pinta um retrato delicado da mãe, Srbijanka Turajlić, ativista política que desempenhou um papel importante na história recente da Sérvia, especialmente desde a ascensão ao poder de Slobodan Milošević, em 1989, a quem se opôs energicamente. Por meio deste quadro, é contada a história atormentada do país nos últimos cem anos.


Quinta-feira, 13 de dezembro | 21h30

SUSPIRIA

Luca Guadagnino

ITALIA / EUA | 2018 | FIC | 152’

Susie Bannion, uma jovem bailarina norte-americana, chega a Berlim para ingressar na prestigiada Companhia de Dança Helena Markos. Apesar de feliz pela conquista, desde o primeiro momento que sente que algo de terrível parece esconder-se dentro da instituição. Sucedem-se diversos acontecimentos inexplicáveis, numa atmosfera de apreensão e medo. As colegas agem de um modo estranho e nada ali parece natural. Convencida de que a história da companhia e a sua ligação à fundadora podem conter a explicação para tudo aquilo, a rapariga embarca numa viagem perturbadora, onde a realidade e a fantasia parecem fundir-se…

“Remake” do filme homónimo realizado, em 1977, pelo mestre do terror Dario Argento, esta versão conta com realização do também italiano Luca Guadagnino.


Sábado, 15 novembro | 18h00

ASSIM NASCE UMA ESTRELA

A STAR IS BORN

Bradley Cooper

EUA | 2018 | FIC | 136’

Apesar de sobreviver à custa de um ordenado miserável como empregada de mesa, Ally nunca abandonou o sonho de se tornar uma estrela. Um dia, conhece Jackson Maine, um cantor consagrado com tendências autodestrutivas que reconhece o seu talento musical e resolve ajudá-la. Os dois apaixonam-se e vivem uma grande história de amor. Mas, ao mesmo tempo que ela começa a atingir o estrelato e a emocionar multidões, Maine torna-se vítima da implacável máquina que tem o poder de criar e destruir vedetas. Dominado pelo vício do álcool e drogas, Jackson inicia uma verdadeira descida aos infernos, deixando marcas profundas no seu relacionamento com Ally.


Quinta-feira, 20 de dezembro | 21h30

O DIA MAIS CURTO

NOVAS CURTAS PORTUGUESAS

RIDE de Paul Bush (PT/UK | 2018 | ANI | 6’)

SARA F de Miguel Fonseca (PT| FIC | 2018 | 23’)

RIO ENTRE AS MONTANHAS de José Magno (PT | 2018 | FIC | 10’)

A BARRIGA DE MARIANA de Frederico Mesquita (PT | 2018 | FIC | 19’)

TUDO O QUE IMAGINO de Leonor Noivo (PT | 2017 | DOC/FIC | 30’)

Anualmente, entre 21 e 22 de dezembro, o Inverno chega ao hemisfério Norte do globo terrestre. Esta transição, que dá pelo nome de Solstício de Inverno, assinala também o dia mais curto do ano. Desde há muito, muito tempo, este acontecimento astronómico é um momento celebrado pelos povos, dos pagãos aos romanos.

A Agência da Curta Metragem propõe-nos um programa dedicada à curta-metragem nacional.

A curta-metragem portuguesa tem vindo a ser celebrada pela sua qualidade em festivais de cinema de todo o mundo, revelando todos os anos novos e talentosos cineastas. O programa que aqui apresentamos dá a oportunidade de conhecer algumas das novas produções portuguesas dos últimos meses de autores internacionalmente premiados e também de nomes promissores que se vão afirmando no campo da curta-metragem.


Sábado, 22 de novembro | 18h00

ESPECIAL FILME DE NATAL

SANTA CLAUS CONQUERS THE MARTIANS

Nicholas Webster

EUA | 1964 | FIC | 81’


Os marcianos, fartos que os seus filhos vivam obcecados com os programas de televisão da Terra que exaltam as virtudes do Pai Natal, organizam uma expedição à Terra para sequestrar o verdadeiro Pai Natal. Quando chegam à Terra, sequestram duas crianças que lideram o grupo de marcianos e os levam ao Pólo Norte onde encontram o Pai Natal. Os marcianos levam então o Pai Natal e as duas crianças até Marte…

 

*A programação de Cinema na Casa das Artes faz uma pausa na última

semana de Dezembro para voltar logo no inicio do novo ano.

 

 

 

 

Bilhete Normal: €3.50 | Bilhete Estudante e +65anos: € 2.50 | Bilhete Associado Cineclube do Porto: €0.50
A bilheteira abre 30 minutos antes de cada sessão.
ccp@cineclubedoporto.pt | facebook.com/cineclubedoporto | cineclubedoporto.wordpress.com
Casa das Artes – Sala Henrique Alves Costa | Rua de Ruben A. 210, 4150-639 Porto | T. 220 116 350
culturanorte.pt |casadasartes.pt | facebook.com/casadasartesporto

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios