Novembro 2017 | Casa das Artes

novembro 2017

CCP_11-2017_Cartaz

mente

sonhos, perceção e memória

O mês de novembro na Casa das Artes é dedicado ao cinema que explora a mente. 


Na primeira semana, recebemos
Emir Kusturica e Andrei Tarkovsky com dois filmes que exploram, de maneiras distintas, o conceito de memoria e auxiliando-se dos seus personagens exploram as memorias coletivas dos seus povos. 

Na semana seguinte exploramos o conceito de dupla identidade com um filme de 2013 de Denis Villeneuve e com o já clássico de Kieslowski “ A dupla vida de Veronique”. 

Claro que no mês dos filmes dedicados às questões oníricas e da mente, não poderíamos deixar de fora David Lynch, o realizador que criou uma linguagem tão própria que os seus filmes são facilmente reconhecidos como seus. “Mulholand Drive” será exibido na mesma semana que “Attila Marcel” o primeiro filme de imagem real de Sylvain Chomet, o realizador das duas animações de “Belleville Rendez-Vous” e do “Mágico”.
Finalmente, recebemos três filmes de culto. Primeiramente, “Brazil” de
Terry Gilliam que juntamente com a “Viagem de Chihiro” de Hayao Miyazaki fala do sonho e com o ponto de partida comum explora tematicas muito diferentes. 

Fechamos com “Clube de Combate”, de David Fincher, filme de culto que junta Brad Pitt e Edward Norton.

 

Não percam Novembro, há muito para ver!

fs

Quinta-feira, 2 de novembro | 21h30

NA VIA LÁCTEA

ON THE MILKY ROAD

Emir Kusturica

SÉRVIA/RU/EUA | 2016 |FIC | 125′ | M/14


Primavera em tempos de Guerra. Todos os dias, o leiteiro atravessa a fronteira de burro, lançando balas para levar as suas preciosas mercadorias aos soldados. Abençoado pela sorte na sua missão, amado por uma bonita aldeã, um futuro tranquilo parece aguardá-lo… Até que a chegada de uma misteriosa mulher italiana vira a sua vida de pernas para o ar. Esta é uma história de paixão e amor proibido, que os levará numa série de fantásticas e perigosas aventuras. Unidos pelo destino, nada nem ninguém parecem poder pará-los. Vencedor de duas Palmas de Ouro do Festival de Cannes, Emir Kusturica realiza e dirige esta história de amor e guerra, recheada de emoção, comédia e aventura.

Sábado, 4 de novembro | 18h00

O ESPELHO

ZERKALO

Andrei Tarkovsky

URSS| 1974 | FIC | 108′ | M/12

Um filme sobre memória, reflexão e mistério, que agita o espectador até às profundezas da sua alma. Um homem moribundo aos quarenta anos recorda o passado. A sua infância, a mãe, a Guerra, momentos pessoais, o misticismo do quotidiano e aspectos relacionados com a história da Rússia moderna, que se perdem nas preocupações mundanas do dia-a-dia.

Quinta-feira, 9 de novembro | 21h30

O HOMEM DUPLICADO

ENEMY

Denis Villeneuve

ESP/CAN | 2013 | FIC | 90′ | M/16

Adam é um professor universitário que, apesar de acomodado à monotonia, não se sente feliz com o rumo que a sua vida levou. Um dia, ao ver um filme, percebe que, para seu horror, o actor principal é a sua cópia exacta. Ainda em choque com o que acabou de descobrir, não consegue tirar da cabeça a imagem do outro. É então que decide saber tudo sobre aquela pessoa, inclusivamente a morada e número de telefone. Quando se conhecem e se apercebem da inexistência de quaisquer laços de sangue que pudessem justificar as semelhanças, eles vêem-se a questionar a sua existência e a sua própria identidade como seres únicos e insubstituíveis. Mas esta descoberta – e tudo o que daí advém – não deixará marcas apenas neles, mas também em todos os que com eles se relacionam.

Sábado, 11 de novembro | 18h00

A DUPLA VIDA DE VERONIQUE

LA DOUBLE VIE DE VERONIQUE

Krzysztof Kieslowski

FRANÇA | 1991 | FIC | 98′ | M/12


Weronika vive na Polónia. Véronique vive em Paris. Não se conhecem e não tem nenhuma relação. No entanto, são idênticas: ambas são esquerdinas,  gostam de andar descalças, têm o mesmo brilho no olhar, uma voz sublime, um sentido musical absoluto e, acima de tudo, partilham o mesmo problema cardíaco dificilmente detectável. Sem o saber, uma irá beneficiar das experiências e sabedoria da outra. Como se cada vez que a primeira se magoasse com um qualquer objecto a segunda evitasse tocar no mesmo.  Uma história de amor, simples e comovente, de uma vida que continua, deixando um ser para se perpetuar no corpo e alma de outro.

Quinta-feira , 16 de novembro | 21h30

MULHOLAND DRIVE

David Lynch

FR/EUA | 2001 | FIC | 147′ | M/12

Rita sofre um acidente e perde a memória em Mulholland Drive, uma das estradas nos arredores de Hollywood. É ajudada por Betty, uma jovem aspirante a estrela que acabou de chegar a Los Angeles. Do outro lado da cidade, Adam, realizador de cinema, descobre que a Máfia controla o seu último trabalho. Um cowboy, uma vidente, um anão e alguns ilusionistas… Uma história de amor na cidade dos sonhos.

Sábado, 18 de novembro | 18h00

ATTILA MARCEL

Sylvain Chomet

FRANÇA | 2013 | FIC | 106′ | M/12

Apesar dos seus 30 anos, Paul (Guillaume Gouix) ainda vive com Annie e Anna (Bernadette Lafont e Hélène Vincent, respectivamente), as duas tias idosas. Educado por elas desde que perdeu os pais, ainda muito pequeno, ele vive enfiado em casa, isolado e sem nunca chegar a conhecer o que verdadeiramente se passa à sua volta. O seu dia-a-dia resume-se ao piano e a observar as tias nas aulas de dança. Tudo é tranquilo e silencioso. Mas a sua vida muda quando ele conhece a extravagante Madame Proust (Anne Le Ny), a vizinha do quarto andar. Excêntrica e cheia de vida, ela vai usar as suas habilidades para ajudar Paul a recordar o passado e superar os seus traumas emocionais. Com ela, este homem-criança vai amadurecer e encontrar, finalmente, o seu lugar no mundo.

Uma comédia dramática que conta com a assinatura do francês Sylvain Chomet, depois do sucesso de “A Velha Senhora e os Pombos” (1998), “Belleville Rendez-Vous” (2003) e “O Mágico” .

Quinta-feira, 23 de novembro | 21h30

BRAZIL, O OUTRO LADO DO SONHO

BRAZIL

Terry Gilliam

GB | 1985 | FIC | 94′ | M/12


um futuro próximo, a sociedade é governada por um Estado totalitário e tecnocrata, onde tudo é controlado burocraticamente através de computadores. Neste mundo, onde a política antiterrorista é levada ao extremo, a simples troca de um nome pode levar um inocente à prisão ou à mesmo à sentença de morte. Sam Lowry é um simples funcionário estatal que, ao tentar corrigir um erro administrativo, acaba por se apaixonar por uma terrorista. De um momento para o outro, um homem que nada tinha a esconder vê-se transformado num inimigo público…
Filme de culto realizado em 1985 por Terry Gilliam (dos Monty Python), segundo um argumento seu, de Charles McKeown e Tom Stoppard, é uma comédia negra com a participação de Jonathan Pryce, Kim Greist, Michael Palin, Katherine Helmond, Bob Hoskins, Ian Holm e Robert De Niro.

Sábado, 25 de novembro | 18h00

A VIAGEM DE CHIHIRO

SEN TO CHIHIRO NO KAMIKAKUSHI

Hayao Miyazaki

AP/EUA, | 2001 | FIC | 125′ | M/6

Do mago da animação Hayao Miyazaki (“A Princesa Mononoke”, 1997), “A Viagem de Chihiro” conta a história de uma menina de dez anos chamada Chihiro que descobre um mundo secreto. Quando os pais sofrem uma estranha transformação, Chihiro vê-se obrigada a entrar num mundo cheio de monstros, espíritos estranhos e seres lendários, onde é obrigada a trabalhar para Yubaba, uma terrível bruxa velha, com uma enorme cabeça e um corpo pequenino. Para salvar a família, Chihiro vive as mais fantásticas aventuras. O filme venceu, ex-aequo com “Bloody Sunday”, de Paul Greengrass, o Urso de Ouro na edição de 2002 do Festival de Cinema de Berlim.

Quinta-feira, 30 de novembro | 21h30

CLUBE DE COMBATE

FIGHT CLUB

David Fincher

EUA | 1999 | FIC | 139′ | M/18

Todos os fins de semana, nos parques de estacionamento de alguma cidade, homens com bons empregos reúnem-se para lutar descalços e de mãos nuas, até não aguentar mais. Depois, voltam à sua vida com as marcas da luta, sentindo que são capazes de suportar tudo. Isto é o Fight Club. Tyler Durden (Brad Pitt) é o cérebro do clube. Jovem, anarquista e genialmente obscuro, a sua ideia é vingar-se de um mundo no qual as pessoas assistem a convenções contra as doenças para encontrar algum calor humano. Por isso faz os homens lutar, mas nunca sem estabelecer algumas regras. Primeira regra: Não se fala do Fight Club. Segunda regra: Não se fala do Fight Club. Terceira regra: Quando alguém diz “stop” a luta está terminada. Quarta regra: Só dois homens na luta…

Bilhete Normal: €3.50 | Bilhete Estudante e +65anos: € 2.50 | Bilhete Associado Cineclube do Porto: €0.50
A bilheteira abre 30 minutos antes de cada sessão.
ccp@cineclubedoporto.pt | facebook.com/cineclubedoporto | cineclubedoporto.wordpress.com
Casa das Artes – Sala Henrique Alves Costa | Rua de Ruben A. 210, 4150-639 Porto | T. 220 116 350
culturanorte.pt |casadasartes.pt | facebook.com/casadasartesporto
Anúncios