Retrospetiva de Denis Côté – 12 a 15 de Setembro 2013

O Cineclube do Porto junta-se ao CineCoa 2013 – 3.º Festival Internacional de Cinema de Vila Nova de Foz Côa – para a extensão, no Porto, da sua secção Panorama, dedicada à obra do cineasta canadiano Denis Côté (que estará presente em todas as sessões) com a exibição de três das suas longas-metragens e de um ciclo de curtas.

Este ciclo é da autoria da APDARC e foi realizado em colaboração com o Bureau du Québec à Barcelone, o Sodec e a Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema. Contou com a parceria do Museu Nacional de Soares dos Reis, do Cinema Passos Manuel e da Fundação Inatel e o apoio da Periferia Filmes. As sessões do Museu Nacional de Soares dos Reis têm o suporte técnico da Flymedia.

1209255_10202114385240264_1485096956_n

-> 12 Setembro 2013 | Cinema Passos Manuel | 22h00

LES ÉTATS NORDIQUES
Canadá | 2005 | Cor | 92’ | Legendado em Português

Depois de cometer um ato irreparável, um homem vai para uma cidade remota no norte do Canadá, construída nos anos 70, para recomeçar uma nova vida. Denis Côté, na sua primeira longa-metragem, acompanha a sua personagem como se filmasse um documentário. “E o impossível acontece: o homem que queria fugir da civilização acaba por ser domesticado, aquele que buscava a solidão entra numa forma de comunidade.” Stéphane Delorme, Cahiers du Cinéma, Novembro de 2007

Preços: Público em geral: €3,50 | Estudantes: €2,50 | Sócios – €0,50

-> 13 Setembro 2013 | Cinema Passos Manuel | 22h00

CURLING
Canadá | 2010 | Cor | 92’ | Legendado em Português

Quinta longa-metragem de Denis Côté, Curling recebeu os prémios de melhor realização e melhor ator no Festival de Locarno. Trata-se da história de um pai solteiro, que trabalha durante o dia num clube de bowling semi-abandonado e, à noite, num hotel de segunda. O homem isola a sua filha da comunidade onde vivem, por temer que o contacto com o mundo exterior possa feri-la. Os dois atores são realmente pai e filha. Magníficas imagens, num filme poético, comovente e divertido.

Preços: Público em geral: €3,50 | Estudantes: €2,50 | Sócios – €0,50

-> 14 Setembro 2013 | Museu Nacional Soares dos Reis | 22h00 | Sessão ao Ar Livre

BESTIAIRE
Canadá, França | 2012 | Cor | 72’ | Sem diálogos

Situado num jardim zoológico, este documentário de Denis Côté é um filme sobre a relação dos homens com os animais e também é um filme sobre o olhar. O filme é composto por elegantes planos fixos de magníficos animais. Mas a posição tradicional do espectador inverte-se por diversas vezes, quando os animais olham para a câmara. Só nos planos finais vemos seres humanos. “Não há narrativa tradicional, mas há uma tensão dramática de cortar o fôlego em cada plano deste filme. Contemplativo e fascinante, Bestiaire é puro cinema.” Anthology Film Archive, Nova Iorque

ENTRADA LIVRE

-> 15 Setembro 2013 | Museu Nacional Soares dos Reis – Sala de Conferências | 15h30 

SESSÃO DE ENCERRAMENTO – Ciclo de Curtas-Metragens

Tennessee
Canadá | 2005 | Cor | 9’ | Sem legendas, com diálogos em Inglês

Num hotel destinado a encontros sexuais, uma mulher limpa os quartos, preparando-os para os novos clientes que virão, enquanto na banda sonora ouvimos a sua voz a falar de sexo, num contraste marcante entre a sexualidade imaginada e a real.

Maïté
Canadá | 2007 | Cor |18’ | Sem diálogos

Maïté mostra-nos uma adolescente que se dirige a uma grande cidade para assistir a um concerto de black metal. Um dos filmes preferidos do realizador.

Les Lignes Ennemies
Canadá, Coreia | 2010 | Cor | 43’ | Legendado em Inglês

Encomendado pelo Festival de Jeonjun, na Coreia, Les Lignes Ennemies mostra seis homens armados que erram por uma floresta, dia e noite, em busca de um confronto. O realizador descreve o filme como “um estudo sobre a masculinidade e a guerra, uma história abstracta sobre a solidão no interior do grupo e a intimidade”.

ENTRADA LIVRE

 

Anúncios